•  quarta-feira, 02 de dezembro de 2020

TSE determina volta de Marcão Marchi ao cargo de prefeito em Itupeva

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), decidiu nesta terça-feira (17), que Marcão Marchi deve voltar ao posto de prefeito de Itupeva.
Marcão havia sido acusado de usar mídia para prejudicar um adversário nas eleições de 2016, mas apenas agora foi afastado.
A decisão para “sustar a ordem de afastamento decorrente da cassação dos diplomas do autor e de seu vice, determinando a recondução do autor e de seu vice aos cargos para os quais foram eleitos, até a apreciação do recurso especial”, foi tomada pelo Ministro Sérgio Silveira Banhos.
De acordo com Banhos, entre as justificativas para a sua decisão, está “a máxima proteção dos direitos fundamentais, notadamente os direitos à vida e à saúde” tendo em vista a pandemia de Covid-19 em Itupeva, com “1.766 casos confirmados, com 34 óbitos”.
“Afinal, parece-me paradoxal e contrário à continuidade administrativa, tão necessária no contexto pandêmico, que, em um período exíguo de aproximadamente 1 mês e 13 dias, se afaste o mandatário escolhido no pleito de 2016 (o autor), para que se dê posse interina ao Presidente do Poder Legislativo local e, em seguida, se escolha novo Chefe do Poder Executivo, que ficará no cargo apenas até 1º.1.2021, data da posse do mandatário eleito em 2020”, concluiu o Ministro.
Nas eleições municipais de 2020, Marcão foi reeleito em disputa acirrada na cidade, com uma diferença de 529 pontos de seu adversário.
(Tribuna de Jundiaí)
Ler Anterior

Jundiaí recebe obra viária de R$ 17 milhões

Ler Próxima

Covid-19 / Itupeva – 17/11/2020: