•  sexta-feira, 14 de junho de 2024

Prefeitura irá homenagear o legado de José da Cruz em Cabreúva

Quiabo, feijão, pimentas, banana, mandioca: as terras da família da Cruz são cobertas de diversas espécies. O legado, que passou por plantações de morango e flores e ficou conhecido pelas hortaliças, é de José da Cruz, falecido agricultor da cidade.

 

Um de seus filhos, Marcelo da Cruz, conta que o pai trabalhava já nos anos 60 em fazendas, mas foi em 1995 que o trabalho como agricultor se fortaleceu. “Ele não parava. Ele criou todos os seus filhos com o sustento tirado da terra. Era uma pessoa admirável! Trabalhou com muita coisa, mas o foco sempre foi a agricultura, que era o que ele amava!”, conta Marcelo.

 

Seo José da Cruz foi um dos primeiros integrantes do Conselho Rural de Cabreúva e foi na sua plantação que a Prefeitura promoveu, segundo o servidor municipal Jecel de Campos, o primeiro curso de agricultura orgânica do município, por volta de 2010.

 

Marcelo lembra ainda das inúmeras vezes em que a Secretaria do Agronegócio contribuiu com o negócio da família, ajudando com o maquinário, fazendo canteiros e preparando a terra. “Foi uma ajuda muito grande, principalmente na fase em que ele já estava mais doente”, garante.

 

Seo José da Cruz, que faleceu em 2018 aos 63 anos, será um dos homenageados no Dia do Produtor Rural de Cabreúva, evento que a Secretaria do Agronegócio realiza todos os anos. O evento acontecerá no dia 10 de março, às 19h, na Emeb Mário Faciolli, que fica na Rua Cônego Motta, no Centro. “Toda a família ficou muito feliz ao saber da homenagem. Senti uma gratidão muito grande”, garante o filho do homenageado.

 

A Secretaria do Agronegócio também irá homenagear o agricultor Noboyuki Matsubara.

 

Ler Anterior

Castrações: faltas prejudicam trabalho do Creadoca em Cabreúva

Ler Próxima

Mesmo com chuva, Programa Cajamar Bem cuidada realiza serviços de limpeza